What you called wrong.

home   ask   Social   theme
girl,brazilian,
blink-182 lover.
Reblogin since: 24/12/2010

"Não importa a idade que você tem, nem mesmo se é uma pessoa famosa ou se vive no anonimato. Também não importa se está a passar por uma derrota ou se está no auge do sucesso, nem importa também se, em algumas situações, você está angustiado, tenso, desesperado e tem de admitir que não estava certo. O que importa é que você conquistou o direito de ser um ser humano, consciente, inteligente e livre. A sua vida é mais importante do que todo o dinheiro do mundo e mais valiosa do que todos os aplausos das multidões. Traga sempre na sua memória que, ainda que esteja em filas no banco, no trânsito, no supermercado, você não é mais uma conta bancária, nem mais um número de identidade ou de cartão de crédito e, que se não existisse, o universo não seria o mesmo."
- Augusto Cury   (via incorpora)

(Source: re-amar-te, via littlepoison)

Então é isso? É assim que o amor é? Aquele frio na barriga, passar mal toda vez que tu se vai depois de passar 1 semana inteira juntos, morrer de saudades depois de 5 horas sem ti, se desesperar precisando da sua presença, apesar de que acabamos de se ver… Isso ta me enlouquecendo, não aguento ficar mais sem ti, mas eu tenho que aguentar. Não posso simplesmente sair correndo da minha casa pra ir te encontrar, por mais que seja o que eu mais quero nesse momento. Tenho que aguentar toda essa tortura, tenho que conseguir ser um tanto masoquista emocional até que eu possa finalmente te ver de novo, te agarrar, abraçar forte, beijar e te amar pelo resto do dia, até que a fome nos faça levantar da cama e ir fazer algo pra comer… Ah que saudades da sua comida, de acordar contigo me trazendo café na cama e me dando um beijo na testa, com um sorrindo lindo em seu semblante, que me faz querer viver cada dia mais só para ver esse sorriso, que é o mais lindo do mundo, do meu mundo.
Nós, que somos tão diferentes, tão errados um pro outro, demos certo. E vamos seguir assim, até que a morte nos separe, né meu amor?